Monday, November 20, 2006

20 de novembro




As duas bolas azuis esculpidas nas duas concavidades da face hipnotizaram Teresa. Era uma carne de cor negra de ébano, que fazia brotar duas flores alquímicas azuis, exalando um odor forte de incenso amadeirado. Ouviu tambores e o estalar dos pés saltando sobre o chão de terra batida. Só então reparou na mordaça de ferro oprimindo boca, pescoço e dignidade. Sangravam sonhos de liberdade por suas veias dilatadas, e carregava na íris as marcas do opressor.


- Quem é essa moça bonita, Dolores?

- É uma santa que foi amordaçada até o fim dos seus dias, porque não aceitou ser a mulher do filho do homem que a escravizava. Tem as mãos pretas, gastas de tanto se doar; esses olhos que nem precisam da boca para falar e essa beleza que nenhuma maldade é capaz de apagar.

- Dolores, eu já sei o que eu quero ser quando crescer: eu quero ser preta.

2 Comments:

At 7:54 PM, Anonymous Anonymous said...

Vemos que algum algoz fez da tua vida um martírio,
violentou tiranicamente a tua mocidade, vemos também no teu semblante macio, do teu rosto suave,
tranquilo, a paz que os sofrimentos não conseguiram
perturbar.
Isso quer dizer: eras pura, superior, tanto assim
que Deus levou-te para as planuras do Céu e deu-te
o poder de fazeres curas, graças e milagres mil.
Anastácia pedimos-te... roga por nós, proteja-nos,
envolve-nos no teu manto de graças e com teu olhar
bondoso, firme, penetrante, afasta de nós os males
e os maldizentes do mundo.
Tudo que pedimos por nosso Senhor Jesus Cristo
na unidade do Espírito Santo, Amém.

 
At 1:35 PM, Blogger Mauro Sérgio said...

Luciana, minha querida! Obrigado pelas visitas sempre tão oportunas. A crônica pela qual você me perguntou eu não tenho, infelizmente.

Ela pode ser encontrada numa coletânea de suas crônicas esportivas denominada "A sombra das chuteiras imortais". Há ainda uma outra, que reúne outras crônicas, intitulada "A pátria em chuteiras". Ambas são geniais.

PS: Presumo que nossa amiga Dolores, pelo perfil popular compartilhe de nossas preferências clubísticas.

Forte abraço!

Mauro

 

Post a Comment

<< Home